top
logo

Receita do mercado global de eletrônicos recua 1% em 2012
Seg, 07 de Janeiro de 2013 22:39

LAS VEGAS - Depois de dois anos seguidos de recuperação, o mercado global de eletrônicos sofreu novamente os efeitos dos problemas da economia mundial.

 

Com os países emergentes ainda em situação complicada e os mercados emergentes desacelerando seu crescimento, as vendas de produtos como computadores, televisores e smartphones apresentaram um recuo de 1% no ano passado, totalizando US$ 1,06 trilhão, segundo levantamento preliminar da Consumer Electronics Association (CEA). No começo do ano passado, a estimativa era a de que o ano de 2012 apresentaria um crescimento de 5% nas vendas, embalado pela recuperação apresentada entre 2010 e 2011.

 

Os números foram apresentados hoje, durante coletiva de imprensa que antecede a abertura oficial da CES, feira de eletrônicos que acontece em Las Vegas desta terça até sexta-feira.

 

A retração do mercado de eletrônicos foi impulsionada pela queda de 4% nas vendas de equipamentos em mercados maduros, como  Europa e  Estados Unidos. Os países emergentes, que nos últimos dois anos foram os grandes responsáveis pela expansão do mercado, com taxas de crescimento próximas a 20%, apresentaram uma expansão bem mais tímida em 2012: 3%.

 

A América Latina foi a região do planeta que apresentou o pior desempenho, com recuo de 11%. A queda está relacionada ao baixo crescimento das economias e também a questões pontuais dos mercados locais. Na Argentina, por exemplo, problemas com a fabricação e a importação de câmeras digitais afetaram o mercado e toda a indústria de eletrônicos do país. No Brasil, a desaceleração da economia foi um dos motivos para o recuo de 1% nas vendas.

 

*O repórter viajou a convite da LG

 

(Gustavo Brigatto | Valor)

 

 

Busca no site

Login



Novos membros

Para se tornar um associado do SINEC preencha ficha de filiação clicando aqui.

bottom